imagem destacada da calculadora de velocidade média

Calculadora de Velocidade Média

4.7
(16)

Como usar a calculadora de velocidade média?

Para usar a calculadora de velocidade média do Quero Calcular, siga os passos abaixo:

  1. insira o valor da distância e selecione a unidade de medida desejada;
  2. insira o valor do tempo, também selecionando uma unidade de medida;
  3. escolha a unidade de medida final que embasará o cálculo;
  4. clique em “Calcular”.

Você poderá usar a calculadora quantas vezes quiser.

Continua após a publicidade…

O que é velocidade na física?

Podemos dizer que velocidade é razão entre uma distância percorrida e um determinado intervalo de tempo.

Em outras palavras, é o quão rápido um objeto está se movendo.

A velocidade se divide em dois tipos: escalar e vetorial. A diferença entre eles é que o primeiro não considera parâmetros vetoriais em seu cálculo, diferentemente do segundo.

Quando falamos em velocidade média, olhamos para o ponto médio da variação das velocidades instantâneas de um corpo — presentes desde do início até o final de seu deslocamento.

A velocidade instantânea é aferida momento a momento, como, por exemplo, aquela exibida no velocímetro de um veículo.

Unidade de medida de velocidade média

O Sistema Internacional de Unidades (SI) adota metros por segundo, m/s, como unidade padrão para a velocidade média.

Apesar disso, devido ao nosso dia a dia no Brasil, também é comum utilizarmos os famosos quilômetros por hora — km/h.

Qual unidade deverá ser usada dependerá muito do contexto no qual o cálculo de velocidade média for exigido.

Fórmula para calcular a velocidade média

A fórmula para calcular a velocidade média de um corpo é:

fórmula de velocidade média

Onde:

  • Vm = velocidade média
  • d = distância
  • t = tempo

Exemplo: calculando a velocidade média

Um objeto se deslocou por 100 metros em 20 segundos. Qual foi sua velocidade média?

Aplicando a fórmula:

  • Vm = 100 m/20 s
  • Vm = 50 m/s

Solução: A velocidade média do objeto foi de 50 m/s.

Agora que você já sabe mais sobre o cálculo da velocidade média, por que não experimenta outra de nossas calculadoras online grátis?

O que você achou disso?

Clique nas estrelas para avaliar.

Avaliação média: 4.7 / 5. Contagem de votos: 16

Nenhum voto até o momento. Seja o primeiro a votar!

8 respostas para “Calculadora de Velocidade Média”

  1. Avatar de rick
    rick

    Intuitivo e muito útil, parabéns!

  2. Avatar de Alexandre Junckes Jacques
    Alexandre Junckes Jacques

    Excelente.

  3. Avatar de emilly
    emilly

    As crianças estavam brincando normalmente no pula-pula armado para comemorar o aniversário de 10 anos de Tiquitócson.

    Em um momento da festa o aniversariante (cuja massa é de 34 kg) pediu para os coleguinhas saírem do pula-pula. De repente ele subiu no muro e pulou direto no brinquedo, uma altura de 1,8 m em relação ao pula-pula. Tiquitócson ficou empolgado com o impulso que ganhou, mas sua mãe quase teve um ataque cardíaco!

    Desprezando-se as perdas de energia por dissipação, calcule a energia potencial elástica (em J) armazenada na superfície do pula-pula quando Tiquitócson se encontra no ponto mais esticado do brinquedo (adote a gravidade como 10 m/s²).

    1. Avatar de Quero Calcular

      Oi, Emilly.

      Para calcular a energia potencial elástica armazenada na superfície do pula-pula quando Tiquitócson se encontra no ponto mais esticado do brinquedo, você pode usar a fórmula da energia potencial elástica:

      Energia Potencial Elástica (U) = 1/2 * k * x²

      Onde:

      U é a energia potencial elástica em joules (J).
      k é a constante elástica da mola (que está relacionada à rigidez da superfície do pula-pula).
      x é a deformação da mola (a distância que a mola é esticada ou comprimida em relação à sua posição de equilíbrio).
      Primeiro, vamos calcular a deformação da mola (x) usando a altura da queda de Tiquitócson:

      x = altura da queda – altura do pula-pula
      x = 1,8 m – 0 m (a altura do pula-pula em seu estado de repouso é zero, já que não está deformado)
      x = 1,8 m

      Agora, precisamos encontrar o valor da constante elástica da mola (k). Isso depende da rigidez da superfície do pula-pula. Como não temos informações específicas sobre a rigidez da mola, não podemos calcular o valor de k diretamente. Portanto, vamos deixá-lo como uma variável desconhecida e prosseguir com os cálculos.

      Agora, podemos calcular a energia potencial elástica:

      U = 1/2 * k * x²
      U = 1/2 * k * (1,8 m)²
      U = 0,5 * k * 3,24 m²

      Agora, a energia potencial elástica armazenada na superfície do pula-pula é 0,5 * k * 3,24 m² em joules (J). Lembre-se de que adotamos a gravidade como 10 m/s².

      Se você tiver informações adicionais sobre a rigidez da mola (k), poderá calcular o valor exato da energia potencial elástica. Caso contrário, você terá uma expressão em termos de k e 3,24 m².

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *